O impacto do home office nas empresas

Atualizado: Jun 22

Atualmente a Digte está inserida na comunicação interna de muitas empresas sendo especialista em digital workplaces, intranets e redes sociais corporativas. Por esse motivo, conseguimos acompanhar de perto o impacto do home office nas empresas e principalmente na comunicação interna.


Por esse motivo, procuramos dados para analisar e achamos uma pesquisa realizada pela Athié Wohnrath, mostrando que 72% das empresas afirmaram que a pandemia impactou economicamente a empresa, o que é mais impressionante, é que as empresas inseridas nos 28% de pouco ou nenhum impacto, são empresas born-digital ou com elevada maturidade de transformação digital.


Mas antes de entrar no assunto home office, vamos voltar um pouco no tempo?


Pré-pandemia


Outra pesquisa realizada pela Citrix no Brasil, intitulada “O trabalho digital em 2019” constatou que 31,97% das empresas permitiam trabalho remoto. Entretanto, 51,64% dos entrevistados disseram que a produtividade não seria afetada e 34,43% deles ainda disseram que a produtividade aumentaria caso fosse permitido fazer home office.


Antes da pandemia começar a ocorrer, a maioria das empresas não estavam preparadas por motivos diversos, e as pesquisas apontam que os fatores mais comuns são a falta de infraestrutura tecnológica (apps, plataformas de colaboração e mais) e gestores despreparados para fazer esse gerenciamento a longa distância.


Pandemia


Após mais de 60 dias de isolamento social e o chamado home office, muitas empresas estão sendo forçadas pela situação a se adaptar em todos os sentidos. Se adaptar ao home office, não se trata apenas da aderência de novas tecnologias (o que também é muito importante), se trata da implementação de uma nova cultura, um novo conceito que muda a forma como os colaboradores pensam e trabalham, e essa mudança só pode trazer duas possibilidades, o colaborador será muito mais produtivo, continuará se comunicando com saúde mental intacta ou o oposto.


Felizmente, muitas empresas/pessoas entenderam isso e começaram a divulgar conteúdos gratuitos para ajudar todos que estão fazendo home office, sejam artigos, webinars ou vídeos. São materiais gratuitos com um único objetivo, te ajudar. Por isso, reunimos aqui alguns links para facilitar.


Um fato é que a comunicação é muito mais fácil quando estamos próximos das pessoas, porém, durante o home office essa proximidade não existe presencialmente, então precisa existir digitalmente. A proximidade digital e o engajamento podem acontecer com a adesão de plataformas colaborativas, como o digte intranet, que tem o objetivo de manter todos próximos e conectados mesmo durante a distância física.


Pós-isolamento


Um relatório desenvolvido pela FGV, em parceria com a Infobase e o Institute for Technology, Enterpreneurship and Culture (TEC) mostra alguns resultados, entre eles, 30% das empresas que adotaram o trabalho remoto irá mantê-lo por ao menos um dia na semana após o isolamento.


Também existem diversas empresas que publicaram seus comunicados, alguns deles são:


“Ainda que seja possível que abramos nossos escritórios antes, não exigiremos que os Nubankers compareçam às nossas dependências antes do fim do ano”, Renee Mauldin, responsável pelo RH.


Slack decide não abrir antes de 1.º de setembro, “significa menos exposição para nossos funcionários, menos medidas invasivas de distanciamento nos escritórios, menos interrupções para os clientes e maior flexibilidade para resistir a uma segunda onda potencial do vírus”, Robby Kwok, VP sênior de pessoas.


XP manterá todos os funcionários em home office até o final do ano, Isabela Bolzani, UOL


A realidade é que pode não existir isolamento social, mas o distanciamento social ainda irá acontecer pós quarenta, e isso significa rodizio de colaboradores na empresa ou adesão 100% do home office para alguns segmentos, ou áreas.


A luz no fim do túnel


Para mantermos as empresas fluindo mesmo durante o home office, é necessária uma plataforma que centralize os processos da empresa, os documentos e a comunicação interna, e utilizar essa plataforma sensibilizando uma cultura diferente para a empresa, se hoje você precisa de uma plataforma assim, não deixe de entrar em contato conosco em contato@digte.com.br.


Brasil avante!

66 visualizações
PARCEIROS

ENCONTRE A SOLUÇÃO DA SUA EMPRESA NA DIGTE!

logo-fundo.png
Selo Store_Partner.png
selo_IDEXO_preto.png

REDES SOCIAIS:

  • Facebook - Círculo Branco
  • LinkedIn - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco

*fluig marca de propriedade da empresa TOTVS S.A.

(www.totvs.com)

© 2019 por Digte.com.br